Carta zen 27 – O orgulho 2


Belo Horizonte, 12 de setembro de 2009
Caros amigos,
Na semana passada começamos a falar sobre o orgulho, que é um dos obstáculos para nossa evolução. Assim como a ira, o orgulho é uma manifestação extrovertida: sua expressão é manifestada abertamente, precisando de público para ser satisfeita. A platéia é essencial ao orgulho, pois faz aumentar sua auto-estima e mantém a ilusão que criou. O orgulho vive das aparências do que ele é; sua máscara social vale mais do que sua personalidade real. Ele quer ver brilhar suas qualidades, geralmente limitadas, chamando atenção sobre si. A compensação que recebe através da gratidão ou dos fatores com que os outros o favorecem nutre seu ego.
O orgulho sempre cai. Observe como isso pode acontecer: ao receber uma dádiva, digamos, por exemplo, uma excelente oportunidade de mudar de emprego, a tendência é sair contando para todo mundo, não é? O orgulho de ter sido valorizado é natural na natureza humana. Só que essa alegria pode magoar alguém com menos qualidades que esteja lutando para ter uma colocação profissional melhor, gerando nele um sentimento de inferioridade. É melhor expressar sua alegria primeiro a Deus, depois aos seus familiares mais íntimos e manter os comentários alegres apenas neste nível. Quem conta a todos assim que recebe um favor de Deus, corre o risco de ter seus planos travados pelo acúmulo karmico imediato gerado pelo orgulho.
Ainda há muitas maneiras de errar. Muitas pessoas recebem ao nascer e durante a vida dádivas que não passam de provas para sua simplicidade e humildade. A oportunidade de estudar é uma delas. Considerar-se especial por qualquer saber adquirido é uma atitude equivocada. Também o é orgulhar-se do dinheiro que possui pelo trabalho ou por herança, ou pelo poder que chega às nossas mãos em algum tempo, ou por considerar que somos indispensáveis em alguma área de atuação, na qual somos perfeitos.
Todo orgulho é um obstáculo ao progresso espiritual; por isso, evitar ficar preso a situações que envolvem o orgulho significa precaver-se. Fuja dos elogios, da adulação, da tentação da fama.
Todo abuso de um bem com o qual Deus nos abençoou gera karma, pois atrasa o desenvolvimento do espírito que quer desenvolver qualidades morais e intelectuais superiores para poder estar mais unido à Deus. Todo pecado é um ato pessoal; mas nós também podemos errar agindo como cooperadores dos erros dos outros. Erra não só quem faz, mas também quem manda, quem induz, quem aprova, quem aconselha, quem louva, quem acoberta, quem facilita, quem protege, quem esconde o erro de alguém.
Continuaremos falando sobre isso na proxima semana!

Um abraço a todos!

Anúncios

1 comentário

Arquivado em Sem categoria

Uma resposta para “Carta zen 27 – O orgulho 2

  1. Olá, Carmem ! Venho acompanhando seu blog desde Toronto/Canadá (morei algum tempo lá e cheguei há aproximadamente 1 mês) após um período sabático de meu marido (pós doc).Faço mestrado e meu tema contempla o narcisismo corporativo (sou administradora mas faço formação psicanalítica, e, por este motivo, o tema). Hoje, quando abri o blog para ler suas últimas narrativas me deparei com a imagem de narciso a qual utilizei no último dia 10/09 para uma apresentação simulada em minha banca de qualificação…há várias imagens disponíveis na mídia virtual sobre o tema mas o que me chamou atenção foi a sincronicidade da escolha, o que me incentivou, inclusive, a compartilhar isto com você (fato que há muito eu ensaiava e não te escrevia…)! Gostaria de cumprimentá-la pelo blog e pela forma generosa e cuidadosa que você transpira ao escrever e dizer que há muito não me deparava com uma pessoa da sua formação que partilhasse seriamente deste lado considerado místico e oculto dentro desse nosso simbólico e nebuloso mundo real.Um abraço fraterno,Careme-mail: carem@task.com.br

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s